domingo, 15 de agosto de 2010

Vida de Boleiro - Alex


Fala meus queridos leitores, hoje estreio o novo quadro do meu blog, "Vida de boleiro", onde irei entrevistar alguns jogadores. E para estreiar bonito, conversei com Alexsandro de Souza, Alex, ídolo do Coritiba, Palmeiras, Cruzeiro e Fenerbahçe. Espero que gostem!

Olá Alex, beleza? Antes de começar queria agradecer por ter aceitado o meu convite, você que é muito gente boa, humilde, tem uma personalidade forte e claro, um baita jogador. Que Deus continue derramando ricas bênçãos sobre você e sua família.

Obrigado!!!

“O camisa 10, com o bico da chuteira esquerda, de costas para o gol, apara uma sobra de bola na área, gira o corpo para a direita e, com a notável percepção do jogador diferenciado que é, evita a bomba que qualquer um daria ao ficar de frente para a meta. Em uma cavadinha sutil, cirúrgica, encobre por centímetros o goleiro Kleber, que partia em sua direção. O Mineirão quase vai abaixo, em um dos mais deslumbrantes gols de seus 38 anos.” (Os dez mais do Cruzeiro).

Alex, esse foi um dos gols mais bonito em sua carreira. Você o considera como o seu gol mais bonito, ou tem outro e qual foi?

O mais bonito foi no jogo Palmeiras 4x2 São Paulo em 2002, mas esse diante do Fluminense foi mais difícil executar... Foi um gol lindo realmente.

E depois de fazer um gol, comemorar... os gritos, o abalo da torcida. Como que é esse sentimento?

Indescritível, somente quem faz um gol e corre para comemorar é quem sabe.

No Brasil, você passou por vários clubes, em qual você teve uma identificação maior?

Joguei em quatro clubes, excetuando o Flamengo, acredito que tenha uma identificação boa com Coritiba, Palmeiras e Cruzeiro.

No programa “Bem Amigos” no canal Sportv, perguntaram ao Paulo Henrique Ganso, um jovem e ótimo jogador, qual jogador que o inspirava. E ele citou você, tanto é que ele já tentou fazer um gol igual ao que citei acima só que a bola bateu no travessão. Mas como que é isso, é gratificante pra você ver um jovem que tem você como exemplo?

Uma mostra que estou fıcando velho... É muito bom!!! É gratificante, ele joga muita bola, e ouvir isso de um jogador com a qualidade dele me deixa muito envaidecido.

CORITIBA

Você iniciou sua carreira como profissional com apenas 16 anos, no Coritiba. Escalado pela primeira vez por Paulo César Carpegiani e foi titular absoluto do Coxa até os vinte. Você considera o PC Carpegiani como seu mentor? Você deve ter muito carinho e admiração por ele, certo?

Tenho um carinho, uma admiração e um respeito enorme pelo Paulo. Ele teve muita coragem de me dar uma oportunidade tão cedo, serei eternamente grato por essa chance.

PALMEIRAS

Depois você foi para o Palmeiras, comandado por Luiz Felipe Scolari, onde brilhou intensamente, sobretudo na conquista da Libertadores de 1999, a qual sabemos que não foi nada fácil, de inicio o Palmeiras era um time desacreditado, porém soube dar a volta por cima e ir pra final, onde venceu o Deportivo Cáli, da Colômbia, nos pênaltis. O torcedor palmeirense tem um grande carinho por você e comemora e comenta até hoje dessa imprevisível e emocionante titulo da Libertadores. Que valor isso tem para você?

Era uma equipe fortíssima, já tínhamos ganhado a Copa do Brasil e a Copa Mercosul, mas o objetivo maior era a libertadores, e o Palmeiras já tinha perdido duas decisões de libertadores. O valor é enorme. Estar na historia de um clube importante como o Palmeiras é espetacular.

CRUZEIRO

Em 2000, você foi titular também da Seleção Brasileira, com Vanderlei Luxemburgo, onde não obteve o título e após a dispensa de Luxa, perdeu a vez com Emerson Leão. Contratado pelo Parma, mas não foi aproveitado lá, então foi emprestado ao Flamengo, porém não convenceu Zagallo. Depois voltou ao Parma, mas com direitos de imagem atrasados, recorreu a Fifa e fez o caminho de volta ao Brasil, acertando com o Cruzeiro que contrata Carpegiani. Mas não obteve grande sucesso e no fim do ano, quando esperava renovar contrato foi dispensado pelo telefone. Desfeita dos dirigentes celestes que você jamais esqueceria. O que aconteceu direito, qual foi sua reação? Você guarda isso até hoje ou já é algo do passado?

Vamos por partes, fui vendido para o Parma, eles não me queriam como atleta, não sei ate hoje por que me contrataram, eles queriam me emprestar para varias equipes da Itália, eu não quis ir. Acertei com o Vasco, aí o Parma não quis porque o Vasco devia algo para a Parmalat, quis voltar ao palmeiras, eles não aceitaram também. Acertei com o Flamengo e permaneci na gávea por dois meses, apesar de ter um ano de contrato, cheguei em setembro e sai em novembro.

Em janeiro de 2001 acabei voltando ao Palmeiras e permaneci ate julho,quando teria que me apresentar novamente na Itália, mas em maio vencia uma parcela dos 15% que tinha direito na época. Para minha surpresa o Parma falou que não me devia e que se quisesse receber que fosse para a Justiça, foi o que fiz, com uma liminar da justiça do trabalho acabei acertando com o Cruzeiro a pedido do Carpegiane. Assim que cheguei a Minas o Carpegiane caiu e assumiu o Ivo Wortman, que também caiu e veio o Marco Aurélio. Acabado o brasileiro de 2001 onde não fomos bem tive uma reunião com o Marco Aurelio e os Perrelas, eles me disseram que queriam contar comigo em 2002, e para isso voltei para fazer os exames dia 17.12.2001, fiz todos os exames, mais uma conversa com o Perrelas e o Marco Aurelio. Dia 04.01.2002 teria que retornar... Pelo telefone avisaram meu advogado que não queriam mais contar comigo e não quiseram me atender para conversarmos. Lembro as datas porque me marcou muito essa situação.

SELEÇÃO

No primeiro semestre de 2002, você estava de novo no Palmeiras com Luxemburgo. De onde amargou a decepção de ser ignorado por Felipão para ir a Copa do Mundo. Alguns dizem que você guarda mágoa até hoje, principalmente do Felipão. É verdade ou só boato entre tantos?

Fiquei muito triste!!! Tinha absoluta certeza que iria, mas hoje em dia já ficou para trás e não tenho magoa nenhuma do Felipão.

CRUZEIRO

Em 2002, Luxa aceitara a proposta para comandar o Cruzeiro e pediu sua contratação. E na tarde de 21 de setembro de 2002, num sábado, você começava a reescrever sua história no Cruzeiro, que seria uma das fases mais extraordinárias de sua carreira. E 2003 tinha tudo pra ser um grande ano, já conquistara a confiança dos torcedores e dos dirigentes. Assim em 2003, foi campeão invicto do Campeonato Mineiro e da Copa do Brasil e no Brasileiro a Raposa encerrou o campeonato com 100 pontos e 102 gols, 23 gols sendo seu. Conquistar três títulos importantes em um ano, ou seja, ter a tríplice coroa, jogar bonito, fazer gols de placa, ser ídolo da torcida e ser inesquecível é muito importante. É uma “volta por cima” mais maravilhosa que o futebol já pode ter presenciado. Você considera o ano de 2003 mais espetacular de sua carreira?

No futebol brasileiro sim, porque aqui na Turquia mantive uma media espetacular, mas 2003 é especial. Conquistamos tudo e de uma maneira que o torcedor brasileiro gosta, pra frente, com situações bonitas, com um grande time. E chegar desacreditado como cheguei e sair dessa vez pela porta da frente foi fantástico.

Você disse uma vez que o time de 2003 era o mais "badalado" em termos de festas, bebidas. Isso foi verdade? E até que ponto isso prejudica?

É verdade...Era um time jovem, e todo jovem com dinheiro no bolso quer de alguma maneira aproveitar a vida, mas em tudo existe tempo para diversão e também para trabalho, todos entenderam isso, trabalhamos muito e quem queria se divertir ainda teve tempo para isso.

A manutenção da dupla Luxa - Alex e com a contratação de Rivaldo e Guilherme deram ao Cruzeiro a certeza de que 2004 seria ainda melhor, porém não foi o ocorrido. Você e Luxa chegaram a dar entrevistas, reclamando de que o espírito do grupo estava diferente, para pior. E que algumas coisas precisavam ser aparadas. O que aconteceu?

As coisas começaram a ficar ruins quando perdemos o Aristizabal, ele tinha uma liderança absurda, e fora isso jogava demais. Com a saída dele perdemos varias situações de grupo. Outra coisa que acontece em futebol é que você não pode mentir para jogadores de futebol. O presidente disse que pagaria o premio pela conquista no inicio de dezembro e não aconteceu, aí vieram e disseram que estavam com dificuldades financeiras... E todos se perguntavam como contratavam novos jogadores? Dentro do campo mudamos nossa forma de atuar, o Guilherme era de área, coisa que não tínhamos em 2003. E o Vanderlei acabou saindo logo no inicio do ano, então o que haviam planejado durou somente dois meses.
Mesmo assim ganhamos o Mineiro, fomos eliminados na libertadores numa noite ruim de todo o time, e aí aos poucos a maioria foi tomando o caminho da Europa. Mas se fosse escolher um fator principal, escolheria a saída do Ari.


No jogo contra o Palmeiras, o ultimo com o técnico PC Gusmão. Quando teve a coletiva (pós-jogo), disseram que você tinha dito "Acabou", ou seja, a história do Cruzeiro se encerrava ali, é verdade?


Na verdade tinha decidido ir embora na concentração.O Cris veio ate o meu quarto e disse que o Pc seria demitido e que o Leão assumiria na segunda. Como estava convocado para Copa América e já estava praticamente acertado com os turcos essa seria minha ultima partida, e eu não gostei da forma como conduziram a demissão do Pc e antes do jogo passei isso para ele.



“Dia 13, homenageado com uma placa pela diretoria, antes do jogo contra o Paysandu, ironicamente, assistiu da cabine, como na partida do titulo brasileiro, a mais uma vitória da Raposa

sobre o time paraense em uma tarde de domingo, dessa vez por 1 a 0. (..) Em 122 jogos e 64 gols em Minas, o Talento Azul, com seu pé esquerdo mágico, forte personalidade e sorriso cativante, seria ídolo e artilheiro também na Turquia. Mas continuaria desprezado pelos técnicos da Seleção Brasileira e sem disputar uma Copa do Mundo. Mais um caso, entre tantos, em que se pode dizer: pior para a Copa do Mundo” (Os dez mais do Cruzeiro).


FENERBAHÇE

Depois de muitos anos fora do Brasil, como que é a vida na Turquia, já se acostumou?

Totalmente acostumado, eu estranho quando estou de ferias em Coritiba. Já sou um deles.

Qual é a diferença da torcida brasileira pra torcida turca?

Eles são mais apaixonados que os brasileiros.

Você é ídolo no Fenerbahçe, como também é no Brasil, nos times em que se consagrou. Seu sentimento é mais forte com a torcida brasileira ou turca?

Igual!!! Todos me respeitam, o que sempre busquei nos lugares onde passei é o respeito das pessoas, e isso consegui em Curitiba, São Paulo, Bh e aqui.

FUTURO

Quando acabar o seu contrato no Fenerbahçe, pretende voltar ao Brasil ou renovar?

Estou pensando a respeito, mas não cheguei à conclusão nenhuma.

E caso volte, voltará somente para os clubes em que se consagrou, ou não? Você já recebeu algumas propostas? Sabemos que o Coxa é o time do seu coração, quando voltar pretende ir para outro time e depois aposentar no Coxa, ou nem pensa nisso?


Estou pensando, mas ainda não concluí meus pensamentos, na hora certa irei decidir.


Enfim, independente do que você decidir sabemos que com sua volta, o futebol brasileiro ganhará e muito. Obrigada Alex, Talento Azul, Maestro. Que Deus te abençoe e que você continue obtendo mais sucesso em sua carreira, a qual já é brilhante. Valeu, você é 10!


30 comentários:

  1. Alex é gênio! Parabéns pela matéria!! Bjo.

    ResponderExcluir
  2. Alex é genioo² !! aquele gol contra o São Paulo onde deu um "chapeú" no zagueiro e um "lençol" no Rogério Ceni e qe foi merecedor de uma placa, concerteza foi e será o mais bonito gol dele para nós palmeirenses.
    Parabens pela matéria, e o blog é super interessante !

    Parabens !

    ResponderExcluir
  3. CRAAAQUE! Fez falta nas ultimas Copas... não temos nenhum meia canhoto com a qualidade dele... Gosto muito de um gol dele pela seleção contra a Argentina por cobertura tambem depois de cortar a zaga...
    E PARABENS PELA MATÉRIA! GOSTEI!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela entrevista! Mais uma vez ficou claro a total falta de compromisso que o presidente do cruzeiro Zezé Perrella tem com nós torcedores, em vários trechos o Talento Azul deixou claro a sua insatisfação com a diretoria celeste, precisa vir de um ídolo para se confirmar o que todos já sabem, FORA PERRELLA.
    Maurício Álvares

    ResponderExcluir
  5. Oi, gostei da entrevista mesmo sendo Palmeirense (o verdadeiro Palestra, rs). Acho que vocês azuis também gostaram.

    No entanto, acho q vc deveria melhorar o visual do site, nao ha uma padronização nas fontes, há poucos espaços no texto, paragrafos grandes e, usar vermelho desta maneira é irritante para a vista. Isto tudo deixar o blog com uma cara muito amadora, sendo que o conteúdo é de boa qualidade..

    espero que nao veja as criticas como algo sem fundametno..

    abs
    ocn

    ResponderExcluir
  6. Fantástico, Roberta!
    Alex pra mim é o camisa 10 de qualquer time, inclusive da seleção, e mais 10 jogadores.
    Pra quem acompanha esse cara, foi uma volta deliciosa ao passado e também aquele desejo abafado que ele também sente de que ele volte ao seu lugar logo.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela entrevista com o ídolo da Nação Azul Alex10.
    Como sempre Alex é muito coerente e também sincero. Gosto muito dele dentro de campo, mas ele tem tudo para ser muito respeitado também fora de campo.

    ResponderExcluir
  8. Robertinha, eu já gostava do seu blog e dos seus textos.
    Mas você se superou, PARABÉNS.
    Não só por fazer a entrevista com O TALENTO AZUL.
    Mas também pela forma que você conduziu a mesma.
    Muito imparcial e justa. Como um bom reporter deve ser!
    Você tem muito futuro. Parabéns.

    ps.: ALEX, VOLTA PRO MEU CRUZIEROOOOO??
    haha
    ass: Dan Costa (just)

    ResponderExcluir
  9. Obrigada Lucas Thiego! Fico feliz que tenha gostado. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Obrigada Diego.. visite o blog sempre, bjs!

    ResponderExcluir
  11. Também percebi isso algumas vezes Maurício Álvares, mas vamos ver o que isso vai dar.. rsrsr!

    ResponderExcluir
  12. "OCN" as fontes não estavam padronizadas, pois tinha dado erro no HTML, mas já arrumei tudo direitinho e tirei o vermelho irritante. Hahaha, e obrigada criticas construtivas são sempre bem vindas!

    ResponderExcluir
  13. Verdade "CA" e obrigada pelo comentário.

    ResponderExcluir
  14. Claro Carlão Azul.. e obrigada pelo comentário.

    ResponderExcluir
  15. Hehehe.. obrigada Dan.. sério mesmo!!! Volte sempre.. beijos!

    ResponderExcluir
  16. sensacional! já vi mil entrevistas com o maestro, e essa é a melhor DISPARADA! parabéns

    ResponderExcluir
  17. muito boa a matéria roob, mesmo.. olha que eu li tudo! ahahahaha

    ResponderExcluir
  18. Rita.. vc por aqui?? Hahaha.. obrigada amiga!!

    ResponderExcluir
  19. Alex é Gênio, Maestro, Talentoso, tudo ele é um jogador q se pode dizer COMPLETO! Eterno ÍDOLO da torcida CELESTE espero que volte em Breve! Parabéns pela matéria Roberta. Beijos Saudações Celestes!

    ResponderExcluir
  20. Sensacional, conseguiu arrancar algumas declarações dele que não havia visto em outras entrevistas... E nossa diretoria, hein, que coisa feia! Mas ficam meus parabéns pela belíssima matéria! Bjo grande!

    ResponderExcluir
  21. Obrigada Juliano... visite sempre!

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  23. Também fiquei impressionada com isso Daniel. Beijos.

    ResponderExcluir
  24. sensacional a entrevista com o Alex hein !!!

    ótima idéia este bate papo com jogadores.

    abs

    ResponderExcluir
  25. VERDADE QUE TEMOS PROBLEMAS NO TIME RESERVA, QUE NÃO TEM SUBSTITUTOS PARA OS ARMADORES TITULARES ROGER E MENTILLO. VERDADE TAMBEM QUE CUCA E SUAS INFAMES SUBSTITUIÇÕES COLOCANDO EWERTON E DUDU PARA DECIDIR SEJAM UM PROBLEMA.


    MAS A ORIGEM DE TODOS OS PROBLEMAS É O VIADO DO PERRELA.
    DEPOIS QUE DESCOBRI QUE É TUCANO E VICE DO ITAMAR TUDO SE EXPLICOU.
    SÓ PENSA EM POLÍTICA E EM SEU PRÓPIO LUCRO.
    NÃO ENTENDE NADA DE FUTEBOL. AQUILO É UM CÂNCER NO CRUZEIRO.
    NÃO SEREMOS RESPEITADOS MUITO MENOS O CAMPEÃO DOS CAMPEÕES ENQUANTO ELE ESTIVER NO CRUZEIRO.
    POR ISSO LANSO A CAMPANHA, E QUE TODOS CRUZEIRENSES COMPROMETIDOS ABRAÇEM A CAUSA:



    FORA PERRELA !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!



    POR FAVOR DISCEMINEM A CAMPANHA!

    ResponderExcluir
  26. Parabéns pela entrevista entre os jogadores que atuaram no Cruzeiro ele pra mim foi um dos ou o melhor que tive o prazer de ver jogando,parabéns novamente muito interessante! Emanuel Fernandes

    ResponderExcluir

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger