domingo, 13 de fevereiro de 2011

Num clássico recheado de gols, Atlético-MG ganha do Cruzeiro por 4 a 3

Felizmente, para o bem do futebol mineiro, o equilíbrio voltou a reinar em Minas Gerais. Nos ditos clássicos, de Cruzeiro vs Atlético-MG, onde só se via o time azul celeste adicionando-se vitórias, algo ao contrário vem sido realizado ultimamente, o Galo de Vespasiano voltou a brigar nesse grande jogo.

No inicio da partida, parecia que a meta alvinegra era apenas não tomar gol, tanto é que seus jogadores não avançavam pro campo de ataque, mas mesmo com dificuldades o Cruzeiro soube se sobressair e numa jogada de Montillo, abriu o placar com Wellington Paulista.

Depois de 5 minutos, em um lance extremamente polêmico, o juiz Cleison Veloso aponta pênalti para os atleticanos, que empataram a partida com Diego Tardelli. Com a defesa celeste toda estabanada, e numa bela jogada de Jackson para Tardelli, o mesmo não teve o trabalho de virar o jogo para o time de Dorival Júnior.

O segundo tempo foi ainda recheado de emoções, ninguém imaginara que o placar concluído seria o mesmo do ano passado pelo jogo do Brasileirão. Com a entrada de Roger no lugar de Gilberto e Edcarlos no lugar de Léo, ainda pressionando o time alvinegro como fez no início do primeiro tempo, com um passe de Pablo, Henrique empatou para a equipe mandante.

Com todo o equilíbrio, o clássico mostrava que continuara assim, pra lá e pra cá, estilo “pinball”, mas o iluminado do dia aprontou mais uma vez, desencantou e realizou o que tanto sonhava. Logo depois do empate do Cruzeiro, Tardelli alcançou a bola na área de ataque e num chute forte sem defesa para o goleiro Fábio, virou o jogo mais uma vez para o Galinho, fazendo o seu terceiro gol na partida.

Apostando no contra-ataque, Neto Berola que tinha acabado de entrar, recebeu o passe de Ricardinho, driblou o goleiro e mandou pro fundo das redes, fazendo 4 a 2.

O time azul celeste ainda chegou a diminuir com Gil, mandou uma bola na trave, mas não teve a perspicaz de empatar ou virar o jogo. Com a defesa horrível e com falta de centroavante o Cruzeiro perdeu mais uma para o seu rival. E Atlético, com um bom ataque, está mostrando que chegou para aprontar e aterrorizar muitos este ano.


2 comentários:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger