quinta-feira, 29 de setembro de 2011

A verdade nua e crua

O Brasil venceu o segundo, terceiro... Time da seleção Argentina e não fez mais do que sua obrigação. Jogando contra uma equipe sem seus jogadores de nome, e com apenas um jogador em destaque, Montillo, a equipe canarinho que deseja chegar bem à Copa do Mundo, liquidou a partida por dois a zero, sendo um gol de Lucas e outro do atacante Neymar.

Não sabia que o “superclássico das Américas” valia algum trofeu, pensei que seria apenas um amistoso qualquer, e me assustei mais ainda quando vi a torcida, jogadores, narradores e comentaristas, comemorando o majestoso “título” como se o próprio apagasse uma trajetória conturbada da seleção, e uma equipe que não vence jogando bem tecnicamente há jogos. Lembrando também que, esse “super título” conquistado é de uma copa de dois jogos.

O Brasil e a própria mídia – pois ela que aliena a mente da torcida que não entende e se deixa levar – tem de entender que a seleção brasileira não pode se contentar com pouco. O jogo no primeiro tempo inteiro mostrou um Brasil superior, que chegava mais ao ataque, mas que se envolveu em uma correria com o time adversário sem ser eficiente, e só chegou ao gol numa jogada individual do brilhante jogador Lucas, somente no segundo tempo.

Analisar esse jogo e a partir dele dizer que a seleção passará a jogar melhor por que venceu da grande rival Argentina por dois a zero é um grande equívoco, muitos erros ainda precisam ser reparados, e se deixar levar por essa onda de campeões prejudicaria ainda mais a seleção, que não está nada bem.

Muitos podem dizer que é uma visão bem pessimista, mas parto de uma bem realista. A seleção no jogo de hoje jogou bem melhor se comparado aos jogos passados, a movimentação de Lucas, Neymar e Ronaldinho fluiu bem melhor, Borges já em sua estreia conseguiu fazer um bom papel de pivô e os zagueiros se acertaram em sua posição. Foi um jogo que mostrou mais opções ao técnico Mano Menezes, porém, o mesmo ainda não encaixou o time perfeitamente.

É claro que, nem por isso os jogadores têm que deixar de comemorar, as pessoas têm de deixar de parabenizar pela conquista de um clássico, só não podemos tampar os olhos por causa de um jogo diante de uma situação drástica que se repete há vários jogos. A verdade nua e crua simplesmente é: a seleção canarinho não se encontrou ainda.

3 comentários:

  1. Roberta,
    tirando motivos disso e daquilo. Se bom ou ruim. Devemos também ver o lado positivo, que são muitos. O principal deles é ter visto alguns jogadores que com os estrangeiros fica difícil sua convocação, valeu, pelo gol de Lucas, pelo Cortês, e pela festa da torcida...mas claro ainda longe, muito longe do que realmente queremos, apesar que acho que muitas vezes queremos demais.

    BLOG DO CLEBER SOARES
    www.clebersoares.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Hi, I came across your site and wasn’t able to get an email address to contact you. Would you please consider adding a link to my website on your page. We are happy to offer you a 10% discount to our Online Store if you do so. Please email me back and I would be happy to give you our link.

    Thanks!

    Frank
    frank641w@gmail.com

    ResponderExcluir

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger