quarta-feira, 31 de julho de 2013

Pra quem gosta de futebol

Análise do time de hoje e do que elenco cruzeirense que é forte candidato ao título

O Cruzeiro foi ao Maracanã nesta noite de quarta-feira enfrentar o Fluminense pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro e buscar manter-se na liderança. O time considerado titular (até agora) foi a campo: Fábio, Mayke, Dedé, Bruno Rodrigo, Egídio, no meio de campo, Nilton, Souza, Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart, para o ataque a dupla que vem dando certo, Luan e Vinicius Araújo.

Este time que o técnico Marcelo Oliveira vem dando sequencia, tem se mostrando muito consistente. É notável a evolução do lateral Egídio e do Ricardo Goulart (ainda mais com a saída de Diego Souza) que tem bastante liberdade para ir ao ataque, Nilton e Souza sempre marcando e desarmando muito bem, e Éverton Ribeiro é o único nesta lista que caiu um pouco de rendimento. Pra mim, ele tem muito mais futebol do que este que vem sido mostrado.

O problema nesse time que chamou muito a atenção neste primeiro tempo é a questão da lateral. O Cruzeiro se caracterizou por uma forte lateral esquerda (olha só, quem diria hein Egídio!), mas o problema é que todas as jogadas só estão saindo por lá, só por lá. Tornando-se uma jogada viciosa. E tudo que é excessivo é ruim, a não ser a vitória.

Crédito (foto): Wagner Meier
Ao decorrer do jogo pode-se perceber que quando chega ao meio de campo, o que o jogador faz é entregar pra lateral esquerda pra chegar ao ataque, e esquece-se de fazer a movimentação na lateral direita com Mayke, que também pode fazer uma boa finalização ou assistência, como ocorreu em uma das poucas jogadas pelo lado direito, em que ele deu assistência pro Vinicius Araújo que mandou na trave, senão a melhor jogada do primeiro tempo.

Fábio, mais uma vez indiscutível. Aquele pênalti e rebote cobrado por Fred (GRANDE com capslock) jogador e defendido por Fábio, só afirma ainda mais o grande potencial do goleiro celeste. Pena que é injustiçado na Seleção Brasileira. Brasil perde muito!  Bruno Rodrigo, um monstro na zaga, Dedé está bem, ainda não está seus 100%, ele mesmo reconhece.

O time azul tentou, tentou abrir o placar, mas não deu. Fluminense mesmo vindo do seu quinto jogo sem vencer, conseguiu defender bem, e contou com a sorte e instruções do novo técnico Vanderlei Luxemburgo.

Pro segundo tempo o time continuou da mesma forma. A bola insistia em não entrar. Assim, recorreu-se às substituições. Marcelo Oliveira colocou William no lugar de Luan e Lucca no lugar de Vinicius Araujo. Luxa também mexeu, testando os jovens do Flu, colocou Igor Julião no lugar de Edinho, Kennedy no lugar de Wagner e deu certo.

No primeiro tempo onde faltavam as jogadas pelo lado direito com Mayke, no segundo tempo, foram mais utilizadas, e o lado esquerdo com Egidio ficou menos produtivo. Tem de haver equilíbrio.

Aos 32, por um buraco deixado no lado direito por Mayke, que já havia dado alguns vacilos (mas que não precisa ser crucificado), Carlinhos levantou na segunda trave, Kennedy tentou voleio, e a bola sobrou na cabeça do craque Fred, que estava sem marcação alguma, e fez o gol da vitória.

Cruzeiro tem um grande time, e um elenco de dar inveja. São tantos jogadores bons, que dá pra montar umas 3 formações diferentes. Marcelo Oliveira terá muito trabalho de firmar a equipe titular, já que essa provavelmente irá mudar com a volta dos jogadores que estavam machucados.

Ainda tem Borges, Dagoberto, Henrique, Victorino, Júlio Baptista. Puta time bom! O que um time que almeja ser campeão não pode fazer é ser superior em um jogo, e num vacilo perder 3 ou 1 ponto. Empate fora de casa é importante em um campeonato concorrido como o Brasileiro. Mas vacilos acontecem, vai... Paciência Roberta. 

10 comentários:

  1. Sou atleticano e nem vi o jogo do cruzeiro mas só com suas palavras deu pra saber o que foi o jogo. Muito bom post, está escrevendo cada vez melhor.

    ResponderExcluir
  2. Jogamos um primeiro tempo em cima deles, buscando a vitória a todo momento... mas quando o adversário entra em campo com objetivo de contra-atacar, ele não joga e não deixa o outro time jogar...
    jogos assim anulam jogadores como Everton Ribeiro...
    Jogamos bem, mas temos que melhorar ainda..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza!
      Mas não falo do Éverton Ribeiro só do jogo de hoje, e sim de vários jogos!
      Ele tem que se esforçar mais.
      Verdade!!
      Obrigada pelo comentário.
      Volte sempre.

      Excluir
  3. Parabéns pelo texto! ficou muito bom! continua assim! lendo todos que voce coloca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem é? Rsrsrs
      Obrigada!
      Volte sempre!

      Excluir
    2. https://www.facebook.com/rafael.igor.90

      Excluir
  4. o que achou do Wiliam na partida? acho que ele não esta produzindo o que ele consegue totalmente... se quiser ajuda com mais uma mulher no blog hahah também amo futebol. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Wiliam começou bem, movimentou legal. Mas depois com o gol do Flu, o time carioca recuou e assim o atacante não teve tanta liberdade. Falta mais entrosamento, mas é um bom atacante.
      Que legal.. rsrs. Quem é??
      Bjs

      Excluir
  5. Hi, nice post. Would you please consider adding a link to my website on your page. Please email me back and I would be happy to give you our link.

    Thanks!

    Frank
    frank641w at gmail.com

    sports news

    ResponderExcluir

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger